Rádio Segura

Sul-Americanos marcaram apenas um gol em finais de Mundial de Clubes nos últimos 10 anos

Desde 2013, apenas o Palmeiras balançou a rede contra times europeus em decisões. San Lorenzo, River Plate, Grêmio, Flamengo e Fluminense passaram em branco

TAI A PROVA..TEMOS QUE MELHORAR MUITO

O Manchester City goleou o Fluminense, por 4 a 0, nesta sexta-feira, na Arábia Saudita e, pela primeira vez, foi campeão do Mundial de Clubes. Esse foi o 10º título seguido conquistado por times europeus. A dificuldade em superar as equipes do Velho Continente é tão notória que os sul-americanos marcaram apenas um gol em finais de Mundial nos últimos 10 anos.

--:--/--:--
Na derrota do Palmeiras para o Chelsea, por 2 a 1, na edição de 2021, em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos, o meia Raphael Veiga, de pênalti, anotou o gol do Alviverde e o único de equipes da América do Sul desde 2013.

No período, San Lorenzo (2014), River Plate (2015), Grêmio (2017), Flamengo (2019) e agora o Fluminense foram os clubes sul-americanos que chegaram na final do Mundial, mas perderam o título para adversários europeus e não balançaram as redes. Em cinco edições, os times da América do Sul foram eliminados na semifinal: Atlético-MG (2013), Atlético Nacional (2016), River Plate (2018), Palmeiras (2021) e Flamengo (2022).

O último sul-americano campeão do mundo foi o Corinthians, em 2012. O time comandado por Tite venceu o Chelsea por 1 a 0, em Yokohama, no Japão, com gol de Paolo Guerrero. De lá para cá, os europeus venceram todas as finais e chegaram a 37 títulos mundiais contra 25 dos times da América do Sul, contando também as edições desde 1960.

FONTE-GLOBO ESPORTE

 

Envie seu comentário

Apoio

  • Alurem - Referência em alumínio
  • COLANTERIA
  • CVC Cambé
  • Camil
  • Hotel Bourbon
  • NADAI CONFORT HOTEL
  • City Hotel
  • CHA Hotéis
  • Space Nordeste
  • Radar


Copyright © 2013 Rádio Segura - Direitos Reservados - Desenvolvimento AbusarWEB